FREELAS
freelasconecta 08 de Junho de 2022

Por que preciso de CNPJ para trabalhar no FREELAS?

cnpj_freelas

Essa até pode parecer uma pergunta difícil, mas a resposta é simples!

Como se trata da prestação de um serviço para empresas, o pagamento só é realizado mediante apresentação de Nota Fiscal e somente com um CNPJ é possível emitir uma.

A emissão de Nota Fiscal eletrônica, além de ser obrigatória, é importante por diversos motivos. Regularizar e registrar o processo de movimentação existente entre uma empresa e um cliente ou fornecedor, garantir os direitos do consumidor e recolher tributos são alguns deles.

Além disso, essa emissão também pode ser vista como uma garantia de que a sua empresa é segura, aumentando a sua credibilidade.

Atualmente, com a criação do MEI, se tornou menos burocrático a emissão de um CNPJ. Assim como a formalização da sua Microempresa Individual, através de um processo totalmente online e mais intuitivo.

O que é MEI?

O MEI, ou Microempreendedor Individual, é um modelo empresarial simplificado.

Foi criado há 13 anos, com o objetivo de acabar com a informalidade dos profissionais autônomos e dos pequenos empreendedores e facilitar a regularização das atividades econômicas de pessoas que trabalham por conta própria e não possuem sócios - como é o caso das freelancers que atuam no FREELAS.

Ao fazer o registro como MEI, o empreendedor recebe um Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) próprio e, além de ter a possibilidade de emitir notas fiscais, passa a ter acesso aos benefícios da Previdência Social.

Como emitir um CNPJ?

O CNPJ é um número recebido pelo empresário na abertura de sua empresa. Ele é designado pela Receita Federal e tem o objetivo de identificar o negócio entre os mais diversos tipos de atividades profissionais existentes.
Seu procedimento de emissão evoluiu nos últimos anos, unindo diversos processos que antes eram feitos em etapas.

Para formalizar a sua Microempresa Individual é simples: basta acessar o Portal do Empreendedor do gov.br e fazer o processo de abertura.

Você pode começar esse processo separando todos os documentos necessários para iniciar seu cadastro porque, para cada tipo de empresa, há uma lista específica. Para acessá-la, é só entrar no site da Receita Federal.

E se ainda restam dúvidas sobre como emitir um CNPJ, é importante salientar que a própria Receita Federal oferece cursos gratuitos e a distância para facilitar esse processo.

Agora que você já sabe por que é necessário ter CNPJ para se inscrever no FREELAS e como emiti-lo, já sabe né?#vemproFREELAS!

Maria Mariana Maria Mariana é coordenadora de Comunicação e Marketing do FREELAS e mestre em política social pela Universidade de Lisboa. É comunicóloga, publicitária e pesquisadora de Responsabilidade Social Corporativa e Desenvolvimento Sustentável.
Gabrieli Schlickmann Gabrieli Schlickmann é estagiária de Comunicação do FREELAS e graduanda em Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Últimos posts

Ver todos

Gostou das dicas? Deixe seu comentário.

0 comentários.